fbpx

🌈 Ouça a versão em áudio desta newsletter: pod.link/1485248907

🎧 PODCASTS DA SEMANA

▪️ Frio e LGBT em situação de rua. Como vivem pessoas LGBTQIA+ em situação de rua? De que formas a pandemia agravou a situação dessa população? E um jovem gay conta o ano que viveu na rua depois de ser expulso de casa bit.ly/3bhw5xx

▪️ Orgulho de ser lésbica. Em comemoração ao Mês do Orgulho Lésbico, três lésbicas contam as dores e as delícias de serem quem são: uma ativista, uma caminhoneira e uma cristã bit.ly/3gG9QlZ

➡️ NOTÍCIAS DA SEMANA

BARRA DE FERRO Um adolescente de 14 anos foi espancado pelo pai e pelo irmão em Maceió (AL). O motivo teria sido homofobia, após o jovem ter saído do armário. Por conta das agressões, o menino recebeu 12 pontos na cabeça 😔 glo.bo/3ltR0SK

INSTAGRAM O ator Rafael Lugão teve uma foto censurada pela plataforma, em que aparece beijando o namorado em uma praia do Rio. Segundo o artista, a justificativa foi de que a publicação violava as diretrizes do Instagram 📸 bit.ly/31Hf7pl

AMAZONAS Em Manaus, Paulo Trindade (PSOL), pré-candidato à Prefeitura da cidade, foi atacado com comentários homofóbicos depois que o partido formalizou o ativista, que é gay, como candidato da sigla. Paulo disse que já esperava os ataques ❌ bit.ly/2YR2u9k

CASA NEM A justiça determinou a reintegração de posse do imóvel que era ocupado pela república de acolhimento de LGBTQIA+ em situação de vulnerabilidade no Rio. Cerca de 50 pessoas moravam no local. Após negociações, os ocupantes foram transferidos temporariamente para uma escola (Tema do episódio de quarta) 🏠 bit.ly/3lwzqgX

RIO GRANDE DO SUL A justiça reconheceu uma mulher trans como mãe do próprio filho em Canoas. Ágata Mostardeiro havia sido impedida de ser registrada como mãe biológica na certidão de nascimento do filho, mesmo com os documentos retificados ⚖️ glo.bo/3hHX1ZD

DESABAFO Repercutiu nas redes sociais um vídeo da Juju Oliveira, de 30 anos, que é trans. Ela pediu mais respeito por conta dos comentários maldosos que vem recebendo por ter colocado silicone industrial no rosto, que desceu e inchou 🏳️‍⚧ glo.bo/3gIm3Xh

ESCRITOR INGLÊS William Shakespeare era ‘inquestionavelmente bissexual’, aponta uma pesquisa da Universidade de Cambridge. O estudo se debruçou sobre 182 sonetos do autor. O escritor era visto como gay até então, mas se casou e teve filhos, então deveria ser reclassificado como bi, defendem os pesquisadores 📚 bit.ly/2Dic8KA

TERCEIRA IDADE Florianópolis (SC) ganhou o 1º centro de convivência para pessoas LGBTQIA+ idosas, mantido pela ONG EternamenteSOU. Serão oferecidos serviços como atendimento psicológico gratuito, consultoria jurídica e oficinas de artes 👒 bit.ly/3jrOGtv

🏳️‍🌈 Bendita Geni é um projeto de jornalismo independente voltado à comunidade LGBTQI+. Informação de qualidade para você fazer valer seus direitos. Produção: @bruno_nomura

Ainda sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *